Crise? Prefeita Mayra Brito contrata contador por R$182 mil

Por Márcio R. Oliveira
DRT 4978-BA

A prefeita Mayra Brito acaba de assinar dois contratos um tanto polêmico para a prestação de serviços contábeis nas áreas de finanças da Prefeitura de Prado.

Para atender a prefeitura e a saúde a empresa Eleilton da Hora EPP receberá a quantia – acreditem – R$182 mil por serviços prestados entre janeiro e dezembro deste ano.


De acordo com o extrato do contrato nº 0020 e 0021, R$122.000,00 será pago, em parcelas, via finanças da Prefeitura e R$60.000,00 terá quitação, também parcelado, com recursos da saúde. Ambos os contratos –detalhe - foram firmados de forma direta e por inexibilidade, ou seja, não houve disputa com outras empresas que prestam o mesmo serviço o que torna o ato no mínimo imoral e ilegal.

Outro detalhe bem estranho é que a empresa contratada está localizada na cidade de Itaberaba, região da Chapada Diamantina, distante de Prado 630 km.


Procurado, um servidor local, que pediu para não ser identificado, disse que um funcionário da referida empresa aparece uma vez por mês na prefeitura para verificar os fechamentos realizados pelas contabilidades da prefeitura de saúde. “Seria uma forma de justificar o pagamento pelos serviços prestados”, declarou.

“Todos os trabalhos são feitos pelos funcionários do setor, a prefeitura têm contadores e equipes para todo o trabalho mais pesado. Ele [Eleilton] vem, verifica se o fechamento está correto e vai embora. É muito dinheiro para pouco serviço”, completou.