Juiz Leonardo Coelho cassa chapa Gilvan Produções e Carlão. Ambos estão inelegíveis por 8 anos

Por Márcio Hack
 DRT 4978-BA

PRADO - O juiz eleitoral Leonardo Santos Vieira Coelho cassou, na última terça-feira (28/03), a chapa do candidato a prefeito Gilvan Produções, e de seu vice, Carlão da Saúde.


Gilvan e Carlão eram investigados pela prática de corrupção eleitoral, abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio por distribuição de combustível, bebidas e a realização de showmício com banda e minitrio nas últimas eleições.

Na decisão, o juiz narrou que “os representados, de maneira maliciosa, tentaram burlar a legislação eleitoral (...) e realizaram um verdadeiro showmício com banda, minitrio, animando eleitores. (...) houve distribuição de combustível e bebidas a eleitores, narrou.



“Tal situação causa desequilíbrio no pleito eleitoral configurando abuso do poder econômico e político (...) a gravidade do orquestrado restou comprovado.”, disse o juiz.

Pela prática de crime eleitoral, o juiz cassou a chapa de Gilvan e Carlão, determinando que ambos fiquem inelegíveis por 8 anos.

Abaixo, o vídeo que comprova a realização de showmício:



Parte da Sentença: